Oun *-*

Anúncios
Published in: on setembro 24, 2010 at 1:52 pm  Deixe um comentário  

Desistir

não é sinônimo de incapacidade, mas um sinal de que todas razões que te movem adiante, nem sempre serão as causas eternas na busca pelo que se deseja. O tempo passa e a gente muda. Naturalmente, mudam-se os desejos também.

Published in: on setembro 24, 2010 at 1:31 pm  Deixe um comentário  

Acredito na sorte

mas também no meu poder de escolha e de ação, na busca pelo melhor.

Published in: on setembro 24, 2010 at 1:30 pm  Deixe um comentário  

Acredite e confie

no bom da vida, que o melhor acontece!

Published in: on setembro 24, 2010 at 1:14 pm  Deixe um comentário  

Se pudéssemos ter conciência do quanto nossa vida é efêmera, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e fazer os outros felizes. A gente não sabe quanto tempo temos, até quando estaremos aqui, e descuidamos. Cuidamos pouco. De nós, dos outros.

Published in: on setembro 17, 2010 at 5:47 pm  Deixe um comentário  

Lembro de quando eu acreditava em um mundo de super heróis, de contos de fada, de princesas, e naquele famoso ”felizes para sempre”. Nesse último, confesso: eu ainda acredito.

Published in: on setembro 17, 2010 at 5:42 pm  Deixe um comentário  

Sonhos

Todos nós temos um sonho seja ele possivelmente fácil de se conseguir ou impossivelmente complicado, mas temos. e se tem uma coisa que nos faz seguir em frente às vezes é lembrar que os temos. quando se sonha se vive, não apenas por viver, mas pela espera de algo que supostamente nos faria mais feliz, mais realizados.. eles instigam, emocionam, nos levanta, nos preenche. quem não sonha não é inteiro, vive dividido entre medo e subestimação, acreditando que tudo que se deseja é impossível, mas sonhos só são impossíveis se você acreditar que são.

Published in: on setembro 17, 2010 at 5:32 pm  Deixe um comentário  

Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta, o amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão, o verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar, ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano, isso são só referenciais, ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca, ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Published in: on setembro 13, 2010 at 6:57 pm  Deixe um comentário  

Hoje eu acordei numa casa diferente, num quarto diferente, sem nenhuma muleta, sem nenhuma maquiagem, meus amigos estão ocupados, meus pais não podem sofrer por mim. Hoje eu acordei sem nada no estômago, sem nada no coração, sem ter para onde correr, sem colo, sem peito, sem ter onde encostar, sem ter quem culpar. Hoje eu acordei sem ter quem amar, mas aí eu olhei no espelho e vi, pela primeira vez na vida, a única pessoa que pode realmente me fazer feliz.

Published in: on setembro 13, 2010 at 6:11 pm  Deixe um comentário  

Mas tantos defeitos tenho… sou inquieta, ciumenta, áspera, desesperançosa. Embora amor dentro de mim eu tenha. Só que não sei usar amor: às vezes parecem farpas.

Published in: on setembro 13, 2010 at 6:08 pm  Deixe um comentário